Muitas dúvidas são levantadas pelas pessoas antes de iniciar o Caminho de Santiago pela primeira vez. Embora haja muita informação, tanto na internet quanto muita bibliografia sobre o assunto, vamos tentar lançar alguma luz sobre o assunto como um dos principais agências organizadoras do Caminho de Santiago, para que possa tomar uma decisão, a mais ajustada ao que procura.

Embora imaginemos, tal como aconteceu connosco na primeira vez que fizemos o Caminho de Santiago e depois ficamos fascinados, é lógico a incerteza e algum nervosismo que tens, perante algo novo. Esses medos se dissiparão nas primeiras horas de viagem, assim como aconteceu conosco.

Tudo é muito mais simples do que parece, para sua tranquilidade, tenha em mente que milhões de peregrinos já fizeram o percurso que você pretende fazer e que, pelo menos metade deles, não conhece o idioma e inicia e termina a caminhada , sem nenhum problema. Não tenha medo e lembre-se que o Caminho está esperando por você!

Aqui estão dicas para organizar o Caminho de Santiago, como preparar e planejar os aspectos mais relevantes da viagem; bem como informações práticas para fazer alguns dos nossos roteiros para o Caminho de Santiago, sendo o Caminho de Sarria a Santiago a que goza de maior popularidade e de maior afluência de peregrinos de diferentes nacionalidades.

Mostrar todos
Esconda tudo

PLANEJE SEU ROTEIRO DO CAMINHO DE SANTIAGO COMO FAÇO?

Antes de mais nada, você tem que decidir quantos dias você quer usar para fazer o Caminho de Santiago e se você quer terminar em Santiago de Compostela ou não. Com base nestas premissas, podemos dizer-lhe qual a rota mais adequada ao seu pedido, pois existem várias rotas no Caminho de Santiago.

Para organizar o Caminho de Santiago sem ter muito tempo, aconselhamos, em princípio, fazer o Caminho de Santiago desde Sarria (Caminho Francês) que mencionamos no início, ou o Caminho Português de Tui, já que são as rotas que apresentam mais infraestruturas de todo o tipo e de onde mais peregrinos iniciam a sua viagem organizada para o Caminho de Santiago.

Da mesma forma, para tomar essa decisão, você deve levar em conta quantos quilômetros, aproximadamente, deseja percorrer por etapa; Como regra geral, as etapas têm uma distância média de 20/25 km, mas você pode determinar a qualquer momento quantos km deseja percorrer por dia.

FAÇA O CAMINHO DE SANTIAGO SOZINHO OU ACOMPANHADO

Estamos diante de uma decisão mais importante do que parece. Tenha em mente que fazer o Caminho não significa "feriado de uso", pois você terá que caminhar em média de 5 a 6 horas todos os dias e por vários dias, com o correspondente cansaço e possíveis inconveniências físicas que possam ocorrer. É preciso levar em consideração porque faço o Caminho e se as pessoas com quem vou fazer têm a mesma atitude e pensaram a respeito.

No caso de organizar o Caminho de Santiago em grupo, é muito importante que cada pessoa adote o seu próprio ritmo de caminhada, caso contrário podem ocorrer lesões, no caso de ir a um ritmo superior ao que costuma fazer.

Mesmo que comece o Caminho sozinho, nunca se sentirá sozinho, pois em todas as etapas, encontrará muitas pessoas que fazem o mesmo percurso e etapas que você, sendo o mais comum encontrar, se desejar, companheiros de peregrinação , com quem começar anedotas e companhia.

Se você decidir começar o Caminho sozinho, não deve se preocupar, pois o Caminho é totalmente seguro. Anexamos o seguinte link para mais informações e conselhos se você começa a estrada sozinho.

MELHOR ÉPOCA PARA FAZER O CAMINHO DE SANTIAGO

Podemos organizar o Caminho de Santiago em qualquer época do ano, tudo dependerá da disponibilidade e tempo livre que cada pessoa tenha. No entanto, se tivermos em conta o clima, aspecto fundamental quando se trata de uma atividade de certa duração e realizada ao ar livre, podemos dizer que, em princípio, primavera e até meados do outono (de maio a outubro), seriam os melhores meses para fazer nossa rota até o Caminho.

Se refinarmos ainda mais essa afirmação, os meses de julho e agosto costumam ser os mais quentes do ano, embora isso seja em teoria, principalmente quando ultimamente, devido às "mudanças climáticas", há tanta incerteza quanto ao clima e muitas vezes não identificamos muito bem as estações meteorológicas em que estamos.

Para quem deseja planejar o Caminho no inverno (meses de novembro a fevereiro), deve levar em consideração o clima, a temperatura é mais fria e temos menos horas de luz do dia, além do fato de que as chuvas serão mais comuns e , em zonas como os Pirenéus e nas zonas das serras de Lugo e León no Maneira francesa, teremos que levar em conta a probabilidade de queda de neve. Devem também ter em conta que no Inverno muitas pequenas cidades por onde passa o Caminho carecem de serviços de alojamento e de restauração.

ONDE POSSO FICAR?

Muito importante para organizar o Caminho de Santiago é saber que todas as rotas do Caminho contam com uma ampla infra-estrutura de hospedagem de todos os tipos: pousadas públicas, pousadas particulares, apartamentos turísticos, casas rurais, pousadas, hotéis de diferentes categorias, pensões, Pazos e Pousadas Nacionais.

Dependendo do seu interesse, você pode escolher um ou outro. Como regra geral, em albergues públicos você não poderá reservá-los com antecedência. Sim, pode reservar, com antecedência, nos restantes alojamentos indicados.

Você deve saber que a grande maioria dos albergues, sejam públicos ou privados, não tem quartos ou banheiros privativos, então você deve compartilhá-lo com outros peregrinos e as camas são geralmente beliches, embora em alguns albergues particulares, eles tenham alguns quartos e banheiros privativos.

O QUE FAZER ANTES DE INICIAR A ETAPA?

Para fazer o Caminho de Santiago, atrevemo-nos a dar alguns conselhos antes de iniciar as etapas do caminho, fruto da nossa própria experiência e de muitos outros peregrinos, que podem ajudá-lo antecipadamente a organizar o Caminho de Santiago:

  • Tenha um bom café da manhã. Os cafés da manhã oferecidos por nossas acomodações colaboradoras são generosos e saudáveis, para que você não falte força.
  • Antes de começar a andar é aconselhável aplicar vaselina nos pés ou cremes hidratantes e não deixe rugas nas meias para evitar o aparecimento de bolhas.
  • realizar uma aquecimento muscularr cerca de 5 minutos antes de iniciar a caminhada. Lembre-se de que um mínimo preparação fisica Recomenda-se antes de embarcar em qualquer uma das rotas Camino.
  • aplique protetor solar se for um dia muito ensolarado. O uso de uma touca também é recomendado.
  • Traga uma pequena garrafa de plástico para água (500 ml) e encha-o ao longo do caminho. Há uma fonte de água potável no caminho; ou você pode comprar água em qualquer uma das vilas/cidades por onde passa o Caminho.
  • Beba água mesmo sem ter sede. A hidratação é essencial, e não só no verão. Nosso corpo exigirá mais líquidos do que alimentos sólidos.
  • Não faça grandes paradas; 10-15 minutos no máximo.
  • não comer abundantemente até o final da fase. Nozes, frutas ou barras energéticas são recomendadas. Não é aconselhável comer muito, pois nos custará mais continuar andando se nos sentirmos muito pesados.
  • comece a andar logo, no início da manhã, ter terminado antes das horas mais quentes do verão. A partir das 8h é um bom horário, pois dependendo da época do ano a luz é escassa, e não é recomendado andar sem muita luz, pois não conseguirá enxergar bem os sinais.
  • Você tem que manter a postura correta. andar ereto voltado para a frente ou principalmente para a estrada.
  • Use uma bengala ou bastão. Não é essencial em etapas planas, ajuda principalmente nas subidas ou descidas a buscar maior equilíbrio.
  • Tome seu próprio ritmo de caminhada, não os outros. O Caminho não é uma competição, e o importante é aproveitar as paisagens e outros peregrinos que encontramos. Não devemos nos forçar e manter um ritmo constante.
  • No final da etapa não devemos esquecer a cuidar dos nossos pés. Recomendamos colocar os pés para cima sem meias e aplicar creme para os pés ou álcool de alecrim para aliviá-los.

APROVEITE O MOMENTO (CARPE DIEM)

Cada dia é diferente no Caminho, bem motivado pelo seu estado físico ou emocional. Experimente saborear o que o percurso lhe oferece, os silêncios, os cantos dos pássaros, o correr da água das pequenas ribeiras e as vistas das variadas paisagens que vão cruzar o seu caminho.

Vá com calma, ao seu ritmo, pare para visitar aquela igrejinha ou tirar aquela fotografia que vai levar de recordação e sobretudo sem pressa, porque terá tempo para tudo porque, talvez, o mais importante do seu Caminho serão as experiências que você obtém, enquanto você faz isso.

SINALIZAÇÃO NO CAMINHO DE SANTIAGO

O Caminho, em qualquer um dos seus percursos, está perfeitamente assinalado por uma multiplicidade de sinais de todo o tipo, pelo que não deve ter medo de “se perder”.

O Caminho está perfeitamente sinalizado por setas amarelas, vieiras, postes de quilômetro, encruzilhadas, rodovias...

Você passará por centros urbanos com todos os serviços necessários (centros de saúde, bancos, restaurantes, farmácias, etc). Graças a estes sinais e ao grande número de peregrinos que completam o Caminho de Santiago todos os anos, é muito difícil sair dos trilhos designados. Até hoje nenhum dos nossos peregrinos se confundiu no caminho!

 

CONECTE-SE COM O RESTO DOS PEREGRINOS

A essência e a razão de ser do Caminho são as pessoas que o fazem e que vão encontrar em inúmeras ocasiões, seja no início do percurso, ao parar num bar, num monumento, ao chegar ao alojamento, no final de cada etapa ou em Santiago.

O Caminho lhe oferece a possibilidade de, se desejar, poder conversar por um minuto, uma saudação de “BOM CAMINHO" ou " ULTREIA E SUSEIA” como os peregrinos se cumprimentavam em tempos passados, ou para fazer, muitas vezes, uma amizade para toda a vida. Lembre-se que, talvez, seja o único lugar onde, ao longo de um único caminho, você encontrará pessoas de todo o mundo com o mesmo propósito.

Não perca esta oportunidade que nos é oferecida, pois a experiência de cada uma dessas pessoas irá enriquecê-lo pessoalmente, com certeza, pois o Caminho não compreende classes sociais, raças, culturas e línguas, igualando-se a todos aqueles que o fazem. , cada um com uma história para compartilhar e, muito provavelmente, com desejos e sonhos muito parecidos com os seus.

Conheça nossas recomendações manual para ser um bom peregrino, não seja mais turista, respeite o que te rodeia e quem te rodeia. Juntos somos mais fortes!

información útil del Camino de Santiago

O QUE FAZER AO CHEGAR EM SANTIAGO DE COMPOSTELA?

VISITE A CATEDRAL DE SANTIAGO, OS TELHADOS E PEGUE A COMPOSTELA

No final da última etapa do seu Caminho de Santiago, você terminará na Plaza del Obradoiro e sua espetacular Catedral de Santiago. Tire algum tempo para assimilar e descobrir sensações.

Ao organizar o Caminho de Santiago, seria interessante reservar um horário para as Visitas Guiadas à Catedral de Santiago e aos telhados, especialmente se você fizer o percurso em jacobino 2021.

Os peregrinos que pretendam visitar o museu da Sé devem dirigir-se ao Centro de Acolhimento de Visitantes. (cripta de Pórtico da Glória. Praça do Obradoiro)

*Horário de visitas ao Catedral de Santiago

Abertura diária De abril a outubro: 9h00 – 20h00

Abertura diária De novembro a março: 10h00 às 20h00

– 24 e 31 de dezembro: 10h00 às 15h00

–Fechado nos dias 1 e 6 de janeiro, 25 de julho e 25 de dezembro.

Se desejar, você pode fazer o seguinte *visitas guiadas:

  • Arrecadação permanente. Entrada geral: 6€. Reduzido: € 4
  • Acervo Permanente + Pórtico de la Gloria. Entrada geral: 10€. Reduzido: € 8
  • Escavações arqueológicas. Entrada geral: 10€. Reduzido: € 8
  • Telhados da Catedral. Entrada geral: 12€. Reduzido: 10€
  • Arrecadação Permanente + Capas. Entrada geral: 15€. Reduzido: € 12
  • Catedral Tribuna. Entrada geral: 10€. Reduzido: € 8

*Terão entrada reduzida: peregrinos, desempregados, maiores de 65 anos e estudantes devidamente credenciados.

*Horários da visita guiada aos telhados

Horário da manhã: 10h às 13h. A visita é feita a cada hora.

Horário da tarde: 16h às 19h*. A visita é feita a cada hora.

*De 20 de outubro a 31 de março: a visita às 18h e às 19h está cancelada

  Preços de visita

  • Entrada geral: 12 euros
  • Bilhete reduzido*: 10 euros
  • Gratuito**: menores de 12 anos

*Terão entrada reduzida: peregrinos, desempregados, maiores de 65 anos e estudantes. O grupo ao qual se pertence deve estar permanentemente credenciado.

**Entrada gratuita para:

– Crianças até 12 anos acompanhadas por adultos.

– Sacerdotes e membros do ICOM.

Depois de fazer essas visitas, você pode ir para recolher a Compostela para escritório de serviço ao peregrino.

Ao organizar o Caminho de Santiago, se é muito importante para si ver o Botafumeiro atravessar as naves da Catedral de Santiago, informamos que existem alguns dias especiais em que o *funcionamento do botafumeiro*, uma vez que a sua utilização só está reservada em determinadas datas, ou mediante pagamento por grupos de peregrinos que o solicitem expressamente.